domingo, 20 de abril de 2014

PERVERSIDADE





Humano que se diz inteligente e perspicaz
um ser indefenso, de amá-lo é incapaz
Pratica maus-tratos aos inofensivos animais
indivíduo de má índole, maléfico e falaz.

Agride os animais com brutal violência
arma emboscada para ataques maldosos
Por que o ser humano tem essa tendência
contra seres tão dóceis, afáveis e bondosos?

Animais suportam  tantas malvadezas
são vítimas das atrocidades humanas
Não falam, são indefesos a tamanha frieza
São mortos, atropelados, vivem nesse drama.

 Nas ruas, o pobre cão não mais festeja
 A presença do seu dono mal-agradecido
Com frio, debilitado de fome rasteja
Sarnento, olhar piedoso e desesperado.

Quer um pouco de comida, roga por caridade
Sente-se traído, um cão abandonado
Por quem serviu tantos anos com esmera lealdade
do portão vê sua casinha que já fora seu abrigo.
Autor: Jostly

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...